Outubro tem saldo de 76 mil empregos, com comércio gerando mais vagas

Foto: Agência Brasil

Números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que houve crescimento de 76.599 postos de trabalho em outubro, variação positiva de 0,20% em relação ao mês de setembro. O resultado do saldo de empregos é o melhor do ano, de acordo com o ministério. O resultado final de outubro leva em conta 1.187.809 admissões contra 1.111.220 desligamentos.

No acumulado do ano, o crescimento é de 302.189 empregos, expansão de 0,79% em relação a dezembro de 2016. Nos últimos 12 meses, o resultado ainda é negativo, com redução de 294.305 postos de trabalho. O número corresponde a uma retração de 0,76% em relação aos empregos celetistas para o mesmo período de outubro de 2016.

O comércio foi o setor que mais se expandiu no último mês, com 37.321 novos empregos formais, dos quais 30.187 no comércio varejista. A indústria de transformação teve o segundo melhor desempenho, com 33,2 mil novos postos de trabalho, graças sobretudo ao desempenho da indústria de produtos alimentícios, que abriu 20.565 vagas. Já o setor de serviços criou 15.915 vagas de emprego formal em outubro.

Comércio aquecido puxa alta do emprego em Santa Catarina

Conforme os dados do Caged, Santa Catarina está entre os cinco estados que mais criaram vagas de emprego no país em outubro. As condições de empregabilidade ganham cada vez mais fôlego principalmente por conta da retomada do comércio e da indústria, além da gradativa recuperação do crédito. Em outubro, o estado abriu 8.611 postos de trabalho formais, depois de ter criado 8.011 empregos em setembro. Na comparação com 2016, o desempenho é ainda mais relevante, já que em outubro do ano passado o estado havia criado 1.267 vagas.

O número positivo no estado, assim como no restante do país, foi puxado pelos setores do comércio, com 3.204 vagas, indústria, com 2.726, e serviços, que contratou 1.0931 trabalhadores a mais do que demitiu. No acumulado do ano, Santa Catarina soma 44.064 postos de postos de trabalho a mais, frente ao saldo negativo de 5.664 do ano passado. “O mês de outubro aponta para um cenário positivo de contratações neste fim de ano, com o aumento da demanda proveniente da temporada de verão e a expectativa de vendas para o Natal”, afirma o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt.

Com informações da Agência Brasil e Fecomércio SC