Estudo aponta crescimento do atacarejo

Foto: Divulgação

O atacarejo é o segmento que mais cresceu em 2016 em termos de faturamento. É o que aponta estudo realizado pelo CIP (Centro de Inteligência Padrão) em parceria com o Serasa a partir de dados de 350 empresas de todo o país.

No levantamento sobre o crescimento do faturamento de setores do varejo, os chamados atacarejos atingiram 16,8% em comparação ao desempenho de 2015. Este índice também está acima do varejo em geral e da inflação do período.  O atrativo dos atacarejos tem sido a relação de preços menores e estrutura mais prática, o que ajuda na oferta ao consumidor e na rentabilidade dos estabelecimentos.

As óticas (13,2%), farmácias e perfumaria (11,8%) e calçados (9,1%) são os outros segmentos em destaque no levantamento CIP / Serasa. O único segmento que apresentou queda no faturamento em 2016 foi o de lojas de materiais de construção, a partir da expectativa pelo potencial de consumo para este ano.