Internauta brasileiro troca alimentos de marcas caras por outras mais econômicas

Foto: Divulgação/IBOPE

O internauta brasileiro está trocando marcas de alimentos mais caras por outras mais econômicas. É o que mostra uma pesquisa realizada pelo IBOPE Conecta sobre alimentação. De acordo com o estudo, 69% dos entrevistados estão fazendo a troca por alimentos de marcas mais baratas.

Realizada de 19 a 23 de julho, com 2 mil internautas das classes A, B, C e D, de todas as regiões do Brasil, a pesquisa mostra também que 68% dos entrevistados que estão experimentando alimentos de marcas mais econômicas estão satisfeito com elas, mesmo percentual dos que estão mudando a alimentação por estarem mais preocupado com a saúde.

Os usuários de internet do Brasil também estão evitando comer fora de casa (67%) e metade deles (49%) começou a receber mais amigos e a família em casa ao invés de sair. Os internautas colocam a mão no bolso apenas quando avaliam a qualidade do alimento. De acordo com o estudo do IBOPE Conecta, 65% estão dispostos a pagar mais caro por uma marca quando acreditam que ela tem qualidade superior em relação às outras. Entretanto, fidelidade não importa mais: apenas 26% estão dispostos a pagar mais caro por uma marca que consumiam com frequência.

Com informações do IBOPE


Deixe uma resposta